Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



Lula Assina Medidas para Reverter Ações de Bolsonaro

No seu primeiro dia como presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva cumpriu a promessa de reverter ações do ex-presidente Jair Bolsonaro, assinando o chamado “revogaço”. Durante a cerimônia realizada no Palácio do Planalto, Lula assinou medidas para suspender decretos que flexibilizaram o acesso a armas de fogo, os sigilos de 100 anos para informações sensíveis e também para recompor o combate à devastação da Amazônia.

Revogações Anunciadas em Discurso no Senado

Lula anunciou as revogações em um discurso no Plenário do Senado. Ele afirmou que as medidas visam reorganizar as estruturas do Poder Executivo de modo a permitir o funcionamento do governo de maneira “racional, republicana e democrática”. O ministro da Secretaria de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, confirmou que os sigilos de 100 anos decretados por Bolsonaro seriam parte da primeira leva de decretos revogados.

Próximas Revogações voltadas para Medidas Econômicas

A ministra do Planejamento e Gestão, Simone Tebet, afirmou que as próximas revogações serão voltadas para medidas econômicas. Ela explicou que agora é hora de sentar e conversar com os outros três ministérios (Fazenda, Planejamento e Gestão e Indústria e Comércio) e que tudo será feito por meio de muito diálogo.

Lula Destaca Desarmamento da População

Em sua sessão solene no Congresso, Lula destacou as medidas para desarmar a população, que foi uma das principais agendas de seu antecessor. Ele afirmou que está revogando os “criminosos decretos” que ampliaram o acesso a armas de munição e causaram “insegurança e mal” às famílias brasileiras. Lula disse que o Brasil não quer mais armas e quer paz e segurança para o seu povo.


error: Conteúdo Protegido