Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



O deputado federal Marcel Van Hattem (Novo-RS) afirmou que só faltam 21 assinaturas das 171 necessárias para instaurar uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) com objetivo de investigar suposto abuso de autoridade por parte do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Do Tocantins, apenas dois deputados federais assinaram o pedido de CPI: Vicentinho Júnior (PP) e Eli Borges (PL), ambos apoiadores do atual presidente Jair Bolsonaro. O Estado tem oito parlamentares na Câmara Federal.

No pedido, Marcel van Hattem cita três situações de abuso de autoridade que o STF e o TSE teriam cometido:

  • Busca e apreensão no endereço de empresários por terem compartilhado mensagens em aplicativos.
  • Determinação de bloqueio das contas bancárias de 43 pessoas e empresas suspeitas de financiarem atos antidemocráticos.
  • Censura a parlamentares, ao economista Marco Cintra, à produtora Brasil Paralelo, à emissora Jovem Pan e ao jornal Gazeta do Povo.
Do AFNotícias 
***

 


error: Conteúdo Protegido