Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



A Polícia Civil do Tocantins, por meio da 8ª Divisão Especializada de Repressão ao Crime Organizado – DEIC de Gurupi, deflagrou no início da manhã desta quarta-feira, 9, a Operação Hígia que cumpriu mandados de prisão temporária, busca e autuações em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo nas cidades de Peixe e Gurupi.

Ao todo,14 pessoas foram presas, sendo 11 na cidade de Peixe e três em Gurupi. Durante as buscas os policiais encontraram porções de maconha, crack, dinheiro, plástico filme e aparelhos de telefones celulares.

Os presos foram encaminhados para a Casa de Prisão Provisória de Gurupi onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário.

Operação Hígia

A investigação policial, que foi batizada de Hígia em homenagem à deusa da mitologia grega responsável pela limpeza e saúde, teve início em janeiro de 2022 quando 8ª

DEIC, comandada pelo delegado de Polícia Rafael Falcão, passou a investigar o tráfico de drogas nas duas cidades.

A ação desta quarta-feira contou com mais de 60 policiais e efetivo da 7ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Gurupi, 1ª Divisão Especializada de Repressão ao Crime Organizado de Palmas (DEIC), do Grupo de Operações Táticas Especiais (GOTE), do Centro Integrado de Operações Aéreas – Tocantins (Ciopaer) e da Força Tática Cães do 4º Batalhão da Polícia Militar do Tocantins.

Por Laiane Vilanova/DICOM-SSP

***


error: Conteúdo Protegido