Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



Chegando ao terceiro dia, os manifestantes pró-bolsonaro que não aceitam o resultado das urnas, ainda estão promovendo ocupações em dez pontos de rodovias estaduais e federais. As interdições são parciais, conforme informações atualizadas há pouco tempo pelas Policiais Militar e Rodoviária Federal.

As maiores filas, na manhã desta quarta-feira (2), foram registradas nas vias de acesso à Palmas e Araguaína.

Mesmo seguindo a orientação do Governador Wanderlei Barbosa de negociar até enquanto houver um ínfimo sinal de entendimento, os integrantes do Gabinete da Crise instituído nesta terça-feira (1), não descartam o uso da força para normalizar o trânsito o mais rápido possível

Pontos de interdição

Araguaína – Interdição parcial na BR-153, nas proximidades do Daiara

Paraíso do Tocantins️ – Interdição parcial na BR-153, na altura do Posto Milena

Guaraí ️ – Interdição parcial da BR-153, próximo da entrada da cidade

Colinas do Tocantins – Interdição parcial da BR-153, na saída para Araguaína

Miranorte – Interdição parcial na BR-153, na saída para Rio dos Bois

Alvorada – Interdição parcial na BR-153, na altura do km 761

Natividade ️ – Interdição parcial da BR-010, na altura do km 220, trevo norte

Pedro Afonso  Interdição parcial da BR-235, na altura do km 166

Luzimangues – Bloqueio parcial na TO-080, na saída para Barrolândia

Lagoa da Confusão️ – Interdição parcial na TO-374, perto da entrada da cidade

De acordo com a Polícia Militar em Porto Nacional e outras cidades com bloqueios, os trechos foram liberados e o tráfego segue normalmente com veículos de manifestantes estacionados nos acostamentos.

***


error: Conteúdo Protegido