Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



O ‘Mister’ segue dando o que falar na Europa. Técnico do Fenerbahçe, da Turquia, Jorge Jesus viralizou nas redes sociais de uma forma inusitada desde o último domingo, 30, após goleada de 5 a 2 contra o Instanbulspor, pelo Campeonato Turco. O motivo? O português, ex-Flamengo, ‘explodiu’ ao achar que um jogador adversário caiu à beira do campo para simular uma lesão, a famosa ‘cera’.

Durante o ‘passeio’ do Fenerbaçhe, uma dividida deixou o atleta do Istanbulspor caído em frente ao banco do atual líder do Campeonato Turco. Mister não gostou e começou a esbravejar, levantando os braços, reclamando de um suposto antijogo do adversário. Em seguida, deu um chute no jogador.

O departamento médico chegou rapidamente para prestar atendimento ao atleta e, ao perceber que realmente se tratava de uma lesão, Jorge Jesus chegou até a passar a mão na cabeça do jogador. As imagens viralizaram na web.

Apesar da cena, o Fenerbahçe goleou o Instanbulspor, que ocupa a 18ª colocação na tabela do campeonato, e segue lider com um jogo a menos. Com o resultado, a equipe do Mister segue em 1º lugar pelo ‘Turcão’ com 26 pontos, três a frente do segundo colocado, o Istanbul.

Polêmicas com a torcida

A atuação de Jorge Jesus na Europa segue recheada de polêmicas e ‘tretas’ com a torcida, que vaiou o time após um empate de 3 a 3 contra o Rennes, da França, pela Liga Europa. O principal alvo das vaias era o goleiro Altay Bayindir, que não fez um bom jogo, mas o Mister se demonstrou incomodado.

“Os torcedores do Fenerbahçe hoje, e como sempre, têm ajudado a equipe a ser cada vez mais forte e mais confiante. Mas não façam divisões na equipe. Hoje, vaiaram o Altay. Eu, como treinador, se estão a vaiar o Altay, estão a vaiar a mim”, afirmou o professor.

Jorge Jesus foi além, e afirmou que, se a torcida o rejeitar, ele não faz questão de permanecer a frente do Fenerbahçe. “Se não me querem, eu vou embora! Não foi o Altay, fui eu quem eles vaiaram! E comigo não tem meio termo. Amem o Fenerbahçe, ok, mas não vaiem, porque não quero que ataquem a minha equipe”.

O Fenerbahçe, assim como o Rennes, se classificou ao mata-mata da Liga Europa, ambos com 11 pontos no Grupo B. Agora, a disputa entre os dois é pela primeira posição, que vale vaga direta nas oitavas de final do torneio.

Do Terra 

***


error: Conteúdo Protegido