Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



Nesta sexta-feira (14), autoridades anunciaram que um jovem de 15 anos foi preso acusado do  tiroteio que deixou cinco mortos e dois feridos na capital da Carolina do Norte , nos Estados Unidos . De acordo com a chefe de polícia de Raleigh, Estella Patterson, o adolescente foi hospitalizado em estado grave.

Após o episódio, o suspeito escapou da polícia, mas, horas depois, foi encontrado na casa dele e detido, por volta das 21h30 dessa quinta-feira (13). A identidade dele não foi divulgada.

Entre as vítimas do crime estão Nicole Connors, de 52 anos, Susan Karnatz, de 49 anos, Mary Marshall, de 35 anos, e Gabriel Torres, de 29 anos, além de um jovem de 16 anos.

O policial Casey Clark ficou ferido durante o tiroteio , mas já foi liberado. Marcille Garnder, de 59 anos, também teve ferimentos e ainda está em estado crítico.

tiroteio começou por volta das 17h dessa quinta em uma área residencial do bairro de Hedingham, na cidade de  Raleigh . Oficiais foram acionados, fecharam estradas e alertaram moradores para ficarem dentro de casa por horas enquanto buscavam pelo atirador .

“Esta noite, o terror chegou à nossa porta. O pesadelo de todas as comunidades chegou a Raleigh. Este é um ato de violência sem sentido, horrível e enfurecedor que foi cometido”, disse o governador da Carolina do Norte, Roy Cooper, a jornalistas. “Ninguém deve sentir esse medo nas comunidades — ninguém.”

“Devemos parar com essa violência irracional nos Estados Unidos , devemos abordar a violência armada”, disse o prefeito da cidade. “Temos muito o que fazer, e esta noite temos muito o que lamentar.”

O  tiroteio em Raleigh foi o mais recente de uma onda de violência com armas que atinge o país . Segundo dados da Associated Press , o episódio dessa quinta foi o 25º  assassinato em massa — quando quatro ou mais pessoas são mortas, excluindo o autor do crime — em 2022 em que as vítimas foram mortas a tiros.


error: Conteúdo Protegido