Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



Os pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais receberam material para iniciar os estudos de uma vacina nacional contra a varíola dos macacos.

Em entrevista à CNN Rádio, o pesquisador do Centro Tecnológico de Vacinas da UFMG, Flávio da Fonseca afirmou que esse material é chamado de “semente.”

“É uma quantidade pequena de vírus vivo enfraquecido, da mesma vacina da década de 60 e 80 que usamos para erradicar a varíola”, disse.

O pesquisador destaca que o Ministério da Saúde se antecipou e comprou doses do imunizante já aprovado contra monkeypox.

“Mas a gente quer adquirir essa capacidade de produção caso seja necessário, é possível que não seja, mas com saúde não se brinca”, completou.

Declínio 

Flávio da Fonseca avalia que a situação da varíola dos macacos “se encontra aparentemente em declínio”: “O número de casos tem diminuído não só no Brasil, mas nos Estados Unidos e Europa.”

Mesmo assim, ele alerta: “É importante continuar acompanhando para ver se essa queda será sustentada.”

Da mesma forma, o especialista reforça a necessidade de a população estar atenta aos sintomas e procurar atendimento médico para um diagnóstico preciso.

Da CNNBrasil 

***


error: Conteúdo Protegido