Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou os bens declarados dos noves candidatos, à Presidência da República que já registraram suas candidaturas.  Dentre os valores informados até agora, chama a atenção Léo Pericles (UP), com R$ 197. É de ficar pasmado quando se compara com o total declarado por Felipe D’ávila, R$ 24, 6 milhões; ou até com os R$ 16,9 milhões de Pablo Marçal.

O prazo para o registro termina nesta segunda-feira (15). Os números de patrimônios dos candidatos, estão disponíveis no portal DivulgaCand

O Presidente e candidato à reeleição pelo PL, Jair Bolsonaro informou ter R$ 2.317.554,73 em bens. Na lista, Bolsonaro declarou quatro casas — uma delas no valor de R$ 603.803,54 e outra de R$ 40.000,00. A quantia é um pouco superior à informada no pleito de 2018, quando Bolsonaro declarou R$ 2.286.779,48.

O candidato do Partido dos Trabalhadores (PT), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, informou ao TSE ter R$ 7,4 milhões em bens, incluindo um apartamento de R$ 94.571,25 e R$ 5,5 milhões em previdência privada na modalidade Vida Gerador de Benefício Livre (VGBL).

Candidaturas registradas e bens declarados: 

  • Ciro Gomes (PDT) – R$ 3.039.761,97 (R$ 3 milhões);
  • Felipe D’Ávila (Novo) – 24.619,627,66 (R$ 24,6 milhoes);
  • Jair Bolsonaro (PL) – 2.317.554,73 (R$ 2,3 milhões);
  • Léo Péricles (UP) – 197,31 (R$ 197 reais);
  • Lula (PT) – 7.423.725,78 (R$ 7,4 milhões);
  • Pablo Marçal (Pros) – 16.942,541,15; (R$ 16,9 milhões);
  • Simone Tebet (MDB) – 2.323.735,38; (R$ 2,3 milhões);
  • Sofia Manzano (PCB) – 498.000,00 (R$ 498 mil);
  • Vera Lúcia (PSTU) – 8.805,00 (R$ 8,8 mil).

Do AFNotícias/Com informações do TSE

***


error: Conteúdo Protegido