Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



A Secretaria da Saúde do Tocantins (SES-TO) divulgou na manhã desta terça-feira (9), novos dados referentes à varíola dos macacos (monkeypox). Os números atualizados pelo Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS-TO) apontam que total de suspeitos aumentou de 7 para 13 em uma semana. Por enquanto, o estado segue com um caso confirmado de um morador de Nazaré, na região do Bico do Papagaio.

Os novos investigados surgiram em Palmas que passou de 2 para 4; Porto Nacional que aumentou de 1 para 2; Colinas que também passou de 1 para 02; Araguaína 1; e Formoso do Araguaia 1. Os outros já existentes são 2 de Gurupi, e 1 de Lagoa do Tocantins.

As amostras dos pacientes em investigação foram encaminhadas para a Fundação Ezequiel Dias (FUNED), em Belo Horizonte (MG), a qual é referência do Tocantins para análise do material coletado. O prazo de entrega dos resultados é de até 15 dias.

Para manter a população atualizada das informações relacionadas à doença, a SES-TO divulgará a partir da próxima, em todas as segundas-feiras, boletim sobre os dados da doença, no Tocantins.

“A população deve ficar atenta aos sintomas e procurar a Unidade Básica de Saúde, de sua referência, conforme orientações do Plano de Contingência para Monkeypox do Tocantins, disponível para consulta no site da Secretaria e que foi enviado para os 139 municípios tocantinenses, no dia primeiro de agosto”, destacou Perciliana.

 

***


error: Conteúdo Protegido