Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora
Medicamentos sem registro são apreendidos no Tocantins, como xaropes, chás e afrodisíacos
Medicamentos sem registro são apreendidos no Tocantins, como xaropes, chás e afrodisíacos
Espalhe essa notícia

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu mais de 4.200 cápsulas, 27.000 ml e 7.000 gramas de medicamentos diversos sem registro na Anvisa, durante uma abordagem em um Gol que estava estacionado atrás de um ponto de ônibus em Gurupi, com dois ocupantes, na madrugada desta terça-feira (17/5).

Durante a fiscalização foram encontradas caixas e diversas embalagens com apresentações diferentes de pseudos medicamentos. Ao ser questionado, o condutor afirmou que trabalhava vendendo os referidos produtos em algumas feiras, inclusive na cidade de Gurupi e negou que fossem proibidos.

Na ocasião, o suspeito alegou que estava no local aguardando a chegada de uma pessoa em um ônibus. Momentos depois, um ônibus chegou trazendo mais uma caixa como encomenda.

Foram encontrados 4.204 cápsulas, 27.080 ml e 7.050 gramas de substâncias que não apresentavam a sua composição e procedência nos rótulos, contudo, eram indicados para tratamento das mais diversas patologias, entre dores na garganta até prevenção ao Alzheimer. Dentre os produtos estavam 210 frascos de xaropes e substâncias afrodisíacas; além de pomadas e pacotes de chás.

Os produtos não possuíam registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e podem ser prejudiciais à saúde. A PRF constatou a ocorrência, a princípio, do crime de falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais.

Condutor e passageiro, assim como todos os produtos apreendidos, foram encaminhados para a Polícia Civil de Gurupi para os procedimentos cabíveis.

 

***


Espalhe essa notícia
error: Conteúdo Protegido