Escute a rádio online agora:

A principal rodovia que corta o Tocantins, a BR-153, começou a ceder na altura do km 236, entre as cidades de Colinas e Nova Olinda.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) enviou equipes ao local para avaliar a situação. Engenheiros do DNIT decidiram colocar a rodovia no sistema ‘pare e siga’ e devem levar máquinas para realizar serviços paliativos neste sábado (1º de janeiro de 2022).

Imagens do local mostram que o acostamento desabou e levou parte do asfalto em um dos sentidos da rodovia. A PRF recomenda que os motoristas redobrem a atenção. Também há a opção de um trajeto alternativo por meio de um desvio com 130 km.

Para quem viaja no sentido norte, o desvio começa em Colinas do Tocantins, os motoristas devem ir pela TO-335 no sentido de Bernardo Sayão, depois seguir para Bandeirantes do Tocantins pela TO-164 para então voltar para a BR-153.

Já para quem vai em direção ao sul, o desvio começa 19 quilômetros após Nova Olinda, no trecho com a TO-164. Os condutores devem seguir primeiro para Bandeirantes do Tocantins, então Bernardo Sayão e em seguida ir para Colinas do Tocantins pela TO-335 onde poderão retornar para a BR-153.

Fonte: AFNoticias
Crédito de imagem: Trecho da rodovia que começou a ceder no norte do estado. / Foto: PRF Tocantins