Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora

Espalhe essa notícia

O morador de Gurupi infectado pela variante Ômicron, o 1º caso no Tocantins, não se vacinou contra a covid-19 e está na casa de parentes em uma cidade vizinha sem nenhum sintoma da doença, conforme a Secretaria de Saúde do município.

A secretaria ainda revelou, em nota, que a esposa do paciente também testou positivo para a Covid-19, mas o resultado do exame do sequenciamento genético do vírus ainda é aguardado.

O homem tem 29 anos e esteve na cidade de Goiânia (GO) no início do mês de dezembro, voltou de Goiás de ônibus e procurou atendimento médico na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Gurupi no dia 10 de dezembro.

“O paciente apresentava sintomas leves da doença, como dores de cabeça, dores musculares e tosse intensa. Ele fez teste para Covid-19, cujo resultado positivo saiu no dia 13”, diz a nota.

O resultado do sequenciamento genético do vírus, confirmando ser da variante Ômicron, foi divulgado nesta quinta-feira (23). O homem já foi orientado a ficar em isolamento domiciliar e é acompanhado por profissionais de saúde.

A Secretaria Municipal de Saúde de Gurupi ressaltou que está fazendo o rastreamento para localizar o ônibus no qual o paciente viajou de volta para Gurupi para identificar os passageiros e fazer a busca ativa destas pessoas.

O secretário de saúde de Gurupi, Vânio Rodrigues, reiterou a importância da vacinação contra a Covid-19. “Primeiro caso da Ômicron no Estado, em particular em Gurupi, só reforça a mensagem que nós temos levado à nossa população da importância e que todos possam se vacinar com a 1ª, 2ª e a 3ª doses. As nossas equipes estão vigilantes e apostas para que nós possamos alcançar os maiores índices de vacinação no nosso município”, frisou.

Veja a nota completa

“A Secretaria Municipal de Saúde de Gurupi informa que um paciente confirmou infecção de Covid-19 pela variante Ômicron na cidade.

O paciente é do sexo masculino, tem 29 anos, é morador de Gurupi e esteve na cidade de Goiânia (GO) no início do mês de dezembro. Ele não se vacinou contra a Covid-19.

O homem voltou do estado de Goiás de ônibus e no dia 10 de dezembro procurou atendimento médico na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Gurupi. O paciente apresentava sintomas leves da doença, como dores de cabeça, dores musculares e tosse intensa. Ele fez teste para Covid-19, cujo resultado positivo saiu no dia 13.

A Secretaria Municipal de Saúde de Gurupi reforça que, desde o início do atendimento médico, o paciente foi orientado a ficar em isolamento domiciliar.

Nesta quinta-feira, 23, foi divulgado o resultado do sequenciamento genético do vírus, confirmando ser da variante Ômicron, porém o paciente já estava em alta médica e atualmente ele está em uma cidade vizinha, na casa de parentes, mas sem nenhum sintoma da doença e sendo acompanhado pelos profissionais de saúde.

A esposa do paciente também testou positivo para a Covid-19 e a Secretaria Municipal de Saúde de Gurupi aguarda o resultado do exame do sequenciamento genético do vírus, que ainda não saiu.

A Secretaria Municipal de Saúde de Gurupi ressalta que está fazendo o rastreamento para localizar o ônibus no qual o paciente viajou de volta para Gurupi, para então identificar os passageiros e fazer a busca ativa destas pessoas.

O secretário de saúde de Gurupi, Vânio Rodrigues, reitera a importância da vacinação contra a Covid-19. “Primeiro caso da Ômicron no Estado, em particular em Gurupi, só reforça a mensagem que nós temos levado à nossa população da importância e que todos possam se vacinar com a 1ª, 2ª e a 3ª doses. As nossas equipes estão vigilantes e apostas para que nós possamos alcançar os maiores índices de vacinação no nosso município”, frisou.

Gurupi, 23 de dezembro de 2021″. 

Fonte: AFNoticias
Crédito de imagem: Ele esteve em Goiânia no início de dezembro / Foto: Getty Images


Espalhe essa notícia
error: Conteúdo Protegido