Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora

Espalhe essa notícia

A Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (2ª DHPP) já instaurou inquérito para investigar o triplo homicídio contra três trabalhadores de Araguaína, ocorrido na madrugada desta quinta-feira (27), numa rua que dá acesso ao setor Nova Araguaína, próximo à Avenida Filadélfia.

As vítimas foram identificadas como Simião Neto Pereira, 48 anos, Manoel Cassiano de Oliveira, 46 anos, e Francisco Régis Gonçalves, 31 anos.

Conforme a Polícia Civil, a apuração inicial aponta que as três vítimas foram executadas com disparos de arma de fogo na cabeça, mas não houve a subtração de nenhum pertence.

Duas motocicletas, três celulares e uma quantia em dinheiro pertencente às vítimas permaneceram junto aos corpos.

A princípio, a polícia afirma que Simião e Manoel estavam numa mesma motocicleta e não conheciam a terceira vítima, Francisco Régis.

As três pessoas estavam indo para as suas residências quando foram surpreendidas e mortas no mesmo local. Uma quarta pessoa que passava pela avenida chegou a ter a motocicleta alvejada por dois disparos, mas conseguiu fugir e pediu socorro no quartel da Polícia Militar.

Conforme a 2ª DHPP, as vítimas não possuíam antecedentes criminais ou envolvimento com atividades ilícitas. Apenas Simião respondia a processo criminal, mas sem decisão condenatória, sendo, portanto, primário.

A Polícia Civil pediu o auxílio da população para identificar o autor dos crimes por meio de denúncias anônimas ao telefone 197 ou (63) 3411-7366.

Fonte: AFNoticias
Crédito de imagem: Vítimas do triplo homicídio em Araguaína / Foto: Divulgação


Espalhe essa notícia
error: Conteúdo Protegido