Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora

Espalhe essa notícia

Dois projetos de lei de autoria da Prefeitura de Gurupi foram protocolados na Câmara de Vereadores nesta quinta-feira (13). Os documentos são referentes às datas-base dos servidores públicos municipais e também da Fundação UnirG.

O projeto de lei de número 11/2021 concede revisão geral anual, a título de recomposição salarial, de 4,52% nos salários dos servidores públicos efetivos da administração direta e da Agência Gurupiense de Desenvolvimento (AGD), retroagindo a 1º de maio de 2021.

Já o projeto de lei de número 12/2021 concede revisão geral anual, a título de recomposição salarial, de 4,52% nos salários dos servidores públicos da Fundação UnirG, retroagindo a 1º de janeiro de 2021.

O cálculo das datas-base leva em consideração o índice do IPCA (Índice Nacional de Preço ao Consumidor Amplo) acumulado de janeiro a dezembro de 2020.

“Essa recomposição é um direito do trabalhador e é muito importante porque traz um incremento no poder de compra, baseado na inflação do ano anterior. A Câmara Municipal está atenta e empenhada para aprovação desta matéria o mais rápido possível para que os servidores possam receber este incremento em seus salários ainda no pagamento do mês de maio”, declarou a prefeita Josi Nunes.

De acordo com o secretário municipal de Planejamento e Finanças, Lucas Lemes, para que a recomposição salarial produza efeito ainda neste mês, foi solicitado que os vereadores apreciem os projetos de lei em regime de urgência.

A Câmara de Vereadores marcou para esta sexta-feira (14), às 09 horas, uma sessão extraordinária, quando deve fazer a leitura e apreciação dos projetos de lei. A sessão será transmitida pelo YouTube da Câmara de Vereadores.

 

Fonte: AFNoticias
Crédito de imagem: Josi Nunes, prefeita de Gurupi / Foto: Divulgação


Espalhe essa notícia
error: Conteúdo Protegido