Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



Com o objetivo de cobrar o retorno das aulas presenciais nas escolas particulares de Araguaína, um grupo de mães está planejando um boicote às atividades online nesta quarta-feira (5). O comunicado do manifesto, que circulou nas redes sociais, afirma que as “escolas que cumprem o protocolo anti-covid podem ter aulas presenciais sim”.

As mães citam que a Prefeitura de Araguaína já iniciou o retorno gradativo das aulas presenciais na rede municipal de ensino, mas as atividades continuam de forma online nas escolas que estão submetidas ao regimento da Seduc.

Elas destacam ainda que as escolas estão cumprindo rigorosamente os protocolos de segurança contra a covid-19, tais como o distanciamento entre as cadeiras, aferição de temperatura de todos os alunos e profissionais na entrada da unidade escolar, uso de máscara e álcool em gel.  

VEJA MAIS

Conforme as mães, muitas atividades comerciais já foram flexibilizadas, e o não retorno das aulas presenciais está prejudicando os pais que precisam trabalhar. Outra preocupação é com as crianças em fase de alfabetização que estão sendo muito prejudicadas no processo ensino-aprendizagem.

Algumas escolas e faculdades defendem o retorno presencial. O tradicional Colégio Santa Cruz afirmou que apoia a causa das mães e está totalmente preparado para atender os protocolos necessários ao retorno das atividades presenciais.

No último dia 30 de abril, o Governo do Estado prorrogou as medidas de enfrentamento da covid-19 até o dia 14 de maio. No artigo 2º, o documento afirma que cabe à Seduc e à Unitins, em ações articuladas com a Secretaria da Saúde, adotar providências necessárias a oportunizar, em tempo e com segurança, a retomada das atividades educacionais presenciais em estabelecimentos de ensino públicos ou privados da Educação Básica e Superior.

Algumas escolas interpretaram esse artigo 2º como uma permissão para o retorno das aulas presenciais neste mês de maio, pois já existe um protocolo definido anteriormente pela Seduc e Secretaria da Saúde. Contudo, a Diretoria Regional de Educação notificou as escolas afirmando que ainda não está autorizado o retorno das aulas presenciais.

As aulas presenciais nas escolas da rede estadual estão suspensas desde o início da pandemia, em março do ano passado.

Fonte: AFNoticias
Crédito de imagem: Comunicado informa que haverá ausência de 100% dos alunos nas aulas on-line / Foto: Divulgação


error: Conteúdo Protegido