Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade

© José Paulo Lacerda/CNI/Direitos reservados
Espalhe essa notícia

O Índice de Confiança do Empresário do Comércio (Icec) caiu 6,4% de março para abril deste ano e chegou a 95,7 pontos. Essa foi a quinta queda consecutiva do indicador, que atingiu o menor patamar desde setembro do ano passado (91,6 pontos). Os dados foram divulgados hoje (26) pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

Na comparação com abril de 2020, o recuo chegou a 20,7 pontos. Esse foi o 13o recuo consecutivo neste tipo de comparação.

Na passagem de março para abril, a maior queda foi observada na avaliação dos empresários do comércio brasileiro sobre a situação atual (-9,6%). A opinião sobre a situação da economia apresentou piora de 12,4%.

A confiança no futuro caiu 6,2%, puxada também pela piora na avaliação sobre a situação da economia (-7,4%).

As intenções de investimento também tiveram retração (-4,1%), resultado influenciado principalmente pela intenção de contratação de funcionários, que recuou 6,3%.

Na comparação com abril do ano passado, as quedas foram de 35,7% na situação atual, de 14% nas expectativas de investimento e de 15,3% nas intenções de investimento.

Edição: Maria Claudia

Fonte: Vitor Abdala – Repórter da Agência Brasil – Rio de Janeiro
Crédito de imagem: © José Paulo Lacerda/CNI/Direitos reservados


Espalhe essa notícia
error: Conteúdo Protegido