Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



Um incêndio de grande proporção em uma fábrica às margens da TO-222, próximo ao Povoado Barra da Grota, zona rural de Araguaína, mobilizou o Corpo de Bombeiros na manhã desta quarta-feira (14). Uma das suspeitas é que o incêndio teve início por um provável curto-circuito na parte elétrica do prédio.

Segundo informações, o combate ás chamas começou após um dos funcionários avistar o pequeno fogo no térreo na parte interna em uma das câmaras de secagem da fábrica, por volta das 5h30 da manhã. Um brigadista usou um extintor para tentar controlar o fogo, mas não teve êxito.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e cerca de 20 profissionais atuaram na ocorrência, inclusive militares que estavam de folga. O comandante do Batalhão, Major Carneiro, esteve à frente da operação.

Conforme o Corpo de Bombeiros, o incêndio se concentrou em um corredor estreito com várias válvulas e fiações elétricas dos quadros de energia das câmaras. “Com isso, os gases ascendentes de calor teriam sido transmitidos através do processo de convecção para o pavimento superior onde estava localizado o teto dos secadores. Logo, ocasionou uma alta temperatura e uma grande concentração do volume de fumaça (monóxido de carbono) debaixo da cobertura de isolamento térmico da empresa”.

Os Bombeiros fizeram uma abertura no telhado para a saída dos gases. Após o combate às chamas foi feito o rescaldo e retirada de parte dos materiais da empresa que estavam sobre a fiação elétrica, evitando a reignição das chamas.

O gerente da empresa foi orientado que permanecesse com a energia desligada e que chamasse um técnico para verificar a fiação elétrica e possíveis danos e reparos na instalação antes do seu ligamento.

Fonte: AFNoticias
Crédito de imagem: O incêndio começou nas primeiras horas da manhã / Foto: Divulgação


error: Conteúdo Protegido