Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora

Espalhe essa notícia

O governador Mauro Carlesse já está filiado a uma nova sigla partidária, o Partido Social Liberal (PSL). A filiação foi oficializada na tarde desta terça-feira (13), em Palmas. Carlesse também assumiu a presidência estadual da legenda no lugar da deputada Vanda Monteiro. Ele é o 2º governador filiado ao PSL.

A ficha do governador  foi abonada pelo vice-presidente nacional do PSL, Antônio de Rueda, e pela ex-presidente estadual do partido. Mais de 20 deputados federais do partido vieram de Brasília prestigiar o ato.

PSL EM PROL DO TOCANTINS

Carlesse aproveitou para pedir o apoio de todos os deputados do PSL em prol do Tocantins. “Vamos trabalhar nesse Estado, e vamos ter o apoio da bancada federal também, junto com os nossos parlamentares, mas um grupo de amigos, que estão com certeza olhando pelo Tocantins”, afirmou Carlesse.

APOIO EM BRASÍLIA

O vice-presidente do partido, Antônio de Rueda, garantiu apoio às demandas do Estado em Brasília. “Saio daqui com a certeza que o Tocantins hoje tem uma bancada brigando por ele no parlamento e tenho certeza que temos um Governador e uma equipe que vai ajudar esse Estado a ficar melhor que ele é”, disse.

OUTRAS FILIAÇÕES

Também filiaram-se ao PSL a secretária da Educação, Adriana Aguiar, cotada para disputar uma vaga de deputada em 2022; o secretário extraordinário de Assuntos Parlamentares, José Humberto Marques; o secretário de Parcerias e Investimentos (SPI), Claudinei Aparecido Quaresemin; o secretário da Governadoria, Divino Allan Siqueira; e o chefe de gabinete do Governador, Sebastião Albuquerque; além da prefeita de Gurupi, Josi Nunes, e o secretário de Finanças de Palmas, Rogério Ramos.

Nas últimas eleições, o PSL conseguiu eleger três prefeitos, quatro vices e 42 vereadores em diversas regiões do estado.

Fonte: AFNoticias
Crédito de imagem: Governador Carlesse recebeu uma camisa do PSL durante a filiação / Foto: Divulgação


Espalhe essa notícia
error: Conteúdo Protegido