Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora

Espalhe essa notícia

O presidente do Tribunal de Justiça do Tocantins (TJTO), desembargador João Rigo Guimarães, assinou, nesta quarta-feira (3/3), uma ordem de serviço para início das obras de reforma do prédio que abrigam os fóruns das Comarcas de Paranã, Wanderlândia e Palmeirópolis, além da reforma do Auditório da sede do TJTO, visando melhorar a acessibilidade, mobilidade e segurança predial.

“As reformas são benfeitorias necessárias. Elas trazem um ambiente de trabalho mais saudável, um maior conforto, aumenta a produtividade dos magistrados, servidores e, sobretudo, melhor atende os nossos jurisdicionados, que é o nosso foco”, destacou o presidente o presidente do TJTO.

Presente durante a assinatura do documento, o diretor de Foro de Paranã, juiz Márcio Soares da Cunha, comemorou. “O nosso prédio já vinha precisando de manutenção e algumas adaptações, e esse novo projeto modernizará sua estrutura, além de abranger a nova  unificação dos cartórios, facilitando ainda mais o atendimento à população.”

Para o titular da Comarca de Wanderlândia, o juiz José Carlos Machado, a reforma já era uma expectativa antiga. “A reforma é importante a fim de acompanhar a modernidade do sistema do processo eletrônico, que com certeza trará muito mais agilidade, além da acessibilidade a todos os integrantes e cidadãos usuários do sistema de justiça”, ponderou. “Agradecemos muito ao nosso presidente, desembargador João Rigo, pela grande iniciativa da obra, uma vez que já atuou no Fórum de Wanderlândia e é conhecedor da realidade da região do Bico do Papagaio”, lembrou o juiz.

Detalhes das obras

Palmeirópolis – Valor aproximado: R$ 757,6 mil. Área do terreno: 1.562,50 m2; área de construção: 870,44 m2.

Wanderlândia – Valor aproximado: R$ 598,3 mil. Área do terreno: 1.620 m2; área de construção: 720,88 m2 

Paranã – Valor apro ximado: R$ 824,2 mil. Área do terreno: 1.605,12 m2; área de construção: 980,92 m2.

Fonte: AFNoticias
Crédito de imagem: Fórum de Wanderlândia, no norte do estado / Foto: Divulgação


Espalhe essa notícia
error: Conteúdo Protegido