Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora

Espalhe essa notícia

Mais de 1.000 pessoas que participavam de uma festa clandestina foram surpreendidas pelas forças de segurança e equipe de fiscalização em Palmas na madrugada deste domingo (14).

A aglomeração estava acontecendo em uma casa de shows localizada na quadra Arso 91 (903 Sul) e foi descoberta após os agentes de fiscalização receberem uma denúncia anônima.

Segundo a prefeitura, a maior parte do público presente no local era jovens. Eles estavam sem máscara e desrespeitando todos os protocolos de segurança sanitária para enfrentamento da pandemia.

Os fiscais foram recebidos pelos seguranças da casa, que, inicialmente, recusaram-se a apontar os organizadores. Enquanto isso, o som da festa era desligado e as pessoas começaram a deixar o local, gerando um certo tumulto.

Por fim, três jovens se identificaram como sendo os responsáveis pela festa clandestina. De acordo com eles, o evento havia sido planejado para no máximo cinquenta pessoas, mas os organizadores teriam perdido o controle da entrada do público.

Em seguida, foi registrado o auto de infração pela não apresentação do alvará de licença e funcionamento do estabelecimento, além da promoção de aglomeração.

Resultado

Durante a fiscalização na capital, iniciada na noite deste sábado (13), foram registrados 10 autos de infração e quatro notificações por diversas irregularidades diante das normativas decretadas pela gestão municipal para conter o avanço do vírus.

Os agentes de trânsito e transportes removeram uma motocicleta Biz para a garagem municipal após consulta alertar que a placa do veículo estava adulterada. O proprietário não foi identificado.

As atividades foram comandadas pela Diretoria de Fiscalização da Secretaria de Desenvolvimento e Serviços Regionais e Vigilância Sanitária (Visa), com o apoio das equipes da Guarda Metropolitana de Palmas (GMP), Agentes de Trânsito e Transportes do Município e Polícia Militar (PM).

Sem ponto facultativo

Como parte das medidas adotadas para evitar aglomerações de pessoas e o aumento de casos da Covid-19, a Prefeitura de Palmas não decretou ponto facultativo nos dias 15 e 16, segunda e terça de carnaval, os quais terão expediente normal de trabalho para o serviço público municipal.

Denúncias

A população pode formalizar denúncias sobre possíveis desrespeitos às normas decretadas através da Ouvidoria do Município nos números 0800-6464-156 ou 3212-7144. Os telefones 153 (Guarda Metropolitana de Palmas) e 190 (Polícia Militar) também estão disponíveis.

Fonte: AFNoticias
Crédito de imagem: A maioria dos participantes eram jovens e estavam sem máscara de proteção / Foto: Divulgação Raíza Milhomem Ascom Palmas


Espalhe essa notícia
error: Conteúdo Protegido