Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



O presidente da Câmara de Araguaína, vereador Gideon Soares (SD), promulgou a Resolução nº 361, de 5 de janeiro de 2021, com a nova estrutura de cargos e salários do Poder Legislativo Municipal. Foi mantida a mesma quantidade de cargos da legislatura anterior. A norma foi aprovada em plenário pelos 17 vereadores.

A resolução prevê o total de 141 cargos comissionados e apenas cinco funções de confiança que serão ocupadas por servidores efetivos (concursados).

As remunerações variam de R$ 1.151,26 para Assessor de Ajudância de Ordem do Vereador até R$ 5 mil para o cargo de superintendente.

Os cargos com maior número de vagas são Assessor Especial (18); Assessor de Comunicação (19); Diretor de Gabinete do Vereador; Assessor Parlamentar do Vereador; Assessor Administrativo do Vereador; Assessor de Ajudância de Ordem do Vereador e Assessor Político do Vereador, todos estes com 17 vagas cada. Esses cargos garantem a cada parlamentar o mínimo de 7 assessores por gabinete. O custo mensal será de aproximadamente R$ 270 mil.

NÃO CRIOU NOVOS CARGOS

O vereador Marcus do Restaurante (SD) explicou que não houve criação de novos cargos, ou seja, foi mantida a mesma quantidade criada ainda em 2016. Segundo o parlamentar, o que mudou foi apenas a carga horária dos servidores comissionados, que aumentou de 30h para 40h semanais.

Fonte: AFNoticias
Crédito de imagem: Câmara de Araguaína / Foto: Divulgação


error: Conteúdo Protegido