Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



O Sindicado dos servidores públicos no Estado do Tocantins (Sisepe-TO) solicitou ao Governo Estadual a prorrogação da carga horária de 6 horas e do trabalho remoto através do ofício n° 215/2020, protocolado nesta quarta-feira (23).

O pedido de prorrogação foi enviado ao governador Mauro Carlesse (DEM) após a prorrogação do decreto de calamidade pública no Tocantins até 30 de junho de 2021.

"Cobramos do Estado a garantia de segurança aos servidores públicos. Estamos em um período adverso, muito triste, com muitas pessoas ficando doentes e muitas mortes. Temos que garantir que as medidas de proteção sejam adotadas", disse o presidente do Sisepe, Cleiton Pinheiro.

"A situação é de risco e as medidas de segurança precisam continuar a serem adotadas para evitar a Covid-19", acrescenta o Sisepe, ao destacar as vantagens da jornada de trabalho de 6 horas. “Gera redução de gastos com água, luz, telefone, combustível, manutenção de veículos e vale-transporte”.

Fonte: AFNoticias
Crédito de imagem: Governo prorrogou o estado de calamidade até junho de 2021 / Foto: Antônio Gonçalves


error: Conteúdo Protegido