Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



Três blocos partidários que apoiaram candidatos diferentes para Prefeito de Porto Nacional, elegeram os 15 vereadores que comporão a próxima legislatura e cada um se movimenta tentando emplacar candidaturas à presidente da Câmara Municipal.

Com 6 edis, o grupamento político que caminhou com atual prefeito Joaquim Maia, tem o experiente Geylson Neres Gomes (MDB), pronto para iniciar seu terceiro mandato, na busca de apoio para voltar ao comando do parlamento municipal.

Integrante de um bloco com 5 vereadores eleitos, o mais votado da última eleição, Tony Andrade (PTB) também se encontra à cata de sufrágios para tentar chegar ao topo do Poder Legislativo Portuense.

Os outros dois que já pediram votos de colegas que lograram êxito no último pleito proporcional, são Adael Oliveira (PSD) e Firmino Rocha (PSL). Considerando os partidos que se juntaram em torno de candidaturas majoritárias, o arco de aliança do qual os dois postulantes fazem parte, elegeu o menor número de representares: 04.

Com essa eventual divisão interna, tanto Adael quanto Firmino, já iniciam com enorme desvantagem em relação aos outros concorrentes, uma vez que, até diante de uma possível união de todos, qualquer um deles ainda ficaria atrás dos demais.

Pelo menos, três dos edis eleitos em Porto Nacional, confidenciaram à reportagem que já foram sondados pelos virtuais candidatos acima mencionados.

***


error: Conteúdo Protegido