Escute a rádio online agora:
Jessicleia Vieira

Uma jovem de 28 anos foi assassinada a golpes de faca, no final da noite de sexta-feira (11), próximo a um bar, na Rua Bela Vista, bairro Alto da Boa Vista, em Tocantinópolis, norte do Tocantins.

De acordo com testemunhas, a vítima identificada como Jessicleia Vieira da Costa, era garota de programa e usuária de drogas assim como a acusada que atende por Joelma Almeida Lima. Elas se desentenderam horas antes quando estiveram na casa de Hércules de Sá Castro, 19, local conhecido como ponto de venda de entorpecentes.

Ainda conforme os relatos, depois da briga Jessicleia deixou o local sob ameaças de Joelma dizendo que ela ia pagar caro pelo que havia ocorrido.

Para praticar o crime, a acusada contou com a ajuda de Hércules que deu apoio pilotando a motocicleta utilizada na fuga.

Policiais Militares agiram rapidamente e conseguiram prender o casal que tentou reagir, mas, foi contido pelas guarnições da 5ª CIPM – Companhia Independente da Polícia Militar – com sede em Tocantinópolis.

Além do veículo com manchas de sangue, foram apreendias uma porção de cocaína e três faca que serão periciadas para se saber qual delas foi usada para matar Jessicleia.

 

Antecedentes

Em dezembro de 2019, o casal Hércules e Joelma foi preso novamente sob acusação de assassinato da pedindo e usuária de drogas Ilma da Conceição Sousa, cuja morte ocorreu no dia 17 de novembro daquele ano. A mulher foi morta com um disparo de revolver calibre 38 na testa.

Depois de mais de um mês de investigações comandada pelo delegado Tiago Daniel de Moraes, os dois foram presos, porém, depois ganharam o direito de responder em liberdade.

Joelma e Hércules