Assista-nos ao vivo as 13:30 de segunda a sexta, na TV Portal Microfone Verdade
Escute online agora



Desde o dia 28 de abril a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e as 16 Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de Porto Nacional estão passando por desinfecção diariamente e sem data prevista para acabar. A iniciativa é mais uma medida de segurança e saúde pública tomada pela Prefeitura de Porto Nacional, através da Secretaria Municipal da Saúde, para combater o avanço do novo Coronavírus, responsável pela Covid-19.

A desinfecção é realizada por uma pulverizadora motorizada, adquirida pela Secretaria. Um técnico, devidamente paramentado e com EPIs adequados, manuseia o equipamento. A dissolução é de um litro de água sanitária para 10 litros de água. No total, 20 litros de solução desinfetante por pulverização.

Na UPA, a desinfecção acontecer três vezes ao dia, devido o fluxo de atendimento. Nas UBSs, apenas uma vez.

As unidades de saúde dos Distritos de Nova Pinheirópolis e Escola Brasil também estão sendo atendidas com a desinfecção.

A desinfecção continua, ainda, em vários logradouros públicos da cidade, como em praças, ruas e avenidas.

Porto Nacional é um dos municípios do Tocantins que sai na frente no cuidado com a saúde pública. A comunidade reconhece e tem feito sua parte.

Desinfecção em Luzimangues

Desde o dia 04 de maio as equipes de desinfecção da Secretaria Municipal da Saúde estão atuando em alguns espaços públicos de Luzimangues, como as unidades de saúde (UBS e Unidade Mista de Saúde Portal do Lago), Subprefeitura e na Estação de Integração. Os profissionais pulverizam todos os ambientes com hipoclorito de sódio (água sanitária).

Eles têm vestimenta adequada e EPIs – Equipamentos de Proteção Individual. Preferencialmente, a medida acontece em pontos com maior circulação de pessoas.

Um outro equipamento pulverizador foi comprado só para os profissionais de desinfecção que atuam no Distrito.

Recomendações de desinfecção

A inativação do vírus pode ser alcançada após 1 minuto, com uso de desinfetantes como etanol a 70% ou hipoclorito de sódio (principal componente da água sanitária). Recomenda-se uso de álcool a 70% para desinfecção de equipamentos de uso comum, como termômetro e estetoscópio, ou pequenas áreas, e de hipoclorito de sódio a 0,5% para desinfecção de superfícies.

Para a limpeza doméstica recomenda-se a utilização dos desinfetantes domésticos contendo hipoclorito de sódio. Usar, preferencialmente, a água sanitária 2-2,5% – diluir uma parte de água sanitária (250 ml) para 3 partes de água (750ml), para obter 1 litro a 0,5% para desinfetar superfícies como pisos, azulejos, paredes, banheiros e cozinha. Se a superfície estiver suja deve ser limpa primeiramente com água e sabão ou detergente e após, ser realizada a desinfecção.

Cuidados com a água sanitária: a água sanitária (hipoclorito de sódio) é um desinfetante e alvejante que pode danificar tecidos (principalmente coloridos) e ser corrosiva com metais. Se usada em superfícies metálicas, enxaguá-la com água após o uso. A água sanitária pode causar irritação na pele, por isso deve-se utilizar luvas e realizar a limpeza preferencialmente com ambiente ventilado.

Texto: Umbelina Costa

Fotos: Matheus Ferreira

Secretaria Municipal da Comunicação


error: Conteúdo Protegido