Plantão
Ronda Porto

Segurança é assassinado com tiro na cabeça durante festa em Porto Nacional.

Publicado dia 13/10/2017 às 03h16min | Atualizado dia 13/10/2017 às 03h39min
Carro visto na cena do crime foi apreendido na casa do jovem apontado como autor.

O assassinato de um segurança na madrugada desta quinta-feira (12), marcou o trágico fim de uma festa que acontecia no Clube dos Comerciários, localizado no Setor Irmã Edila, em Porto Nacional.

Eram 3h e 30m quando ocorreram os disparos, a correria e o extermínio da vida do segurança Waldiney Brito dos Santos, conhecido por DINEI, 28 anos, que residia na Avenida Joaquim Aires, Setor Vila Nova, Porto Nacional.

Testemunhas disseram que foram efetuados cinco disparos pelo jovem conhecido por Breno Wilker, mas, somente um acertou a vítima na cabeça. Em seguida, o suspeito saiu do local apressadamente. Na mesma ocasião, um veículo astra, grafite, foi visto saindo da frente do clube em alta velocidade.

O homem morreu na hora e seu corpo foi encaminhado para exames no IML após os levantamentos realizados pela perícia criminal.

Policiais Militares do 5º BPM realizaram diligências nas imediações, entretanto, não conseguiram localizar o suspeito.

MOTIVAÇÃO

Familiares de DINEI disseram que houve uma desavença entre ele e Breno há alguns meses em uma vaquejada. Naquele momento, o segurança teria apartado uma briga deixando o jovem furioso. Os dois trocaram acusações e ameaças. “Só pode ter sido isso. Não vejo outro motivo”, resumiu Wanderley Brito, irmão de Waldiney.

CARRO APREENDIDO

Agentes da Polícia Civil de Porto Nacional, sob a orientação do delegado plantonista Antonio de Oliveira Carvalho; e do titular da DHPP – Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa – Wagner Rayelly Pereira Siqueira, entraram em ação e conseguiram apreender o carro que teria sido usado pelo acusado Breno Wilker, que recentemente se envolveu em outra confusão e acabou matando o próprio irmão com um disparo acidental.

O automóvel estava estacionado na casa onde o rapaz mora com a família no Setor Novo Planalto, porém, apenas um tio dele estava na residência.

Dentro do astra foi encontrada a CNH de Breno. A equipe da perícia foi acionada para colher as impressões e atestar se o provável autor realmente esteve no veículo. Também é aventada a hipótese de outra pessoa ter dado apoio durante a fuga. 

Fonte: Editoria Policial

Fale Conosco

Capistrano de abreu 1220, Niterói Canoas/RS
(51) 8465-0267 | (51) 8578-0155 | (51) 8465-0267
comercial@webfive.com.br