Quinta, 24 de janeiro de 2019
63984631128
Tecnologia

15/11/2018 ás 00h35

215

PortalMV

Porto Nacional / TO

Estudantes do IFTO vencem competição latino-americana de robótica.
A disputa foi realizada de 06 a 10 de novembro em João Pessoa na Paraíba.
Estudantes do IFTO vencem competição latino-americana de robótica.

Os estudantes de Engenharia Elétrica do Campus Palmas, do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), Arthur Barreto e Carolina Salgado, foram os grandes campeões da Competição Latino Americana de Robótica (LARC), realizada entre os dias 6 e 10 de novembro em João Pessoa – Paraíba.

Os estudantes fazem parte da Equipe Gênesis de Robótica do Campus Palmas e são orientados pelos professores Wendell Costa, Max Costa e Marcus André. Arthur e Carolina conquistaram o troféu de 1º lugar na modalidade RoboCup Festo Logistic, com o Robotino. A equipe do Campus Palmas superou equipes de diversas instituições de ensino superior do Brasil, entre elas a Unicamp, a UFMG, o IFPB e o IFRN. Com a vitória os estudantes garantiram uma vaga para o mundial de robótica, a RoboCup 2019 , que será realizada em julho do próximo anos em Sydney, na Austrália.

“Até agora não estou acreditando. Foi muito bom. Uma experiência incrível”, conta o estudante Arthur Barreto sobre a conquista. De acordo com ele a equipe esperava estar no pódio, mas o 1º lugar era um sonho. “Nós não esperávamos. Sabíamos que tínhamos ficado no pódio, mas não sabíamos em qual posição, porque é uma competição muito apertada nos três primeiros lugares. Quando chamou a gente em 1º lugar foi muita alegria”, comemora Arthur.

Para a estudante Carolina Salgado a conquista foi muito importante porque mostra que o esforço e dedicação da equipe tem valido a pena. “Essa vitória foi muito importante, pois mostra que o nosso trabalho e empenho tem valido a pena. Muitas vezes sacrificamos algumas horas que temos para fazer outra coisa ou descansar para dedicar ao nosso robô e com essa vitória vemos que esta tendo resultado”, destaca ela que adianta que a equipe pretende dar um passo a mais. “Queremos dar um passo a mais. Mudar nossa forma de programação para uma mais difícil e trabalhosa. Tendo em vista que já chegamos até aqui agora não vamos parar”.

Um dos orientadores da equipe, o professor e diretor geral do Campus Palmas, Wendell Costa, enfatiza que o resultado é muito importante tanto para os estudantes quanto para o IFTO. “Esse resultado é muito importante, pois desde 2016 nos trabalhamos com esses estudantes nos projetos de robótica. Eles se dedicam muito aos trabalhos e em 2017 já ficaram em terceiro lugar nessa mesma competição. Esse resultado é inédito para o Campus Palmas e para o IFTO. É um estimulo para que eles possam continuar se dedicando os outros campi do IFTO também invistam nesta área da robótica”, finalizou o professor.

FONTE: Ascom

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados