Candidato a estadual Djalma Araújo diz a Marlon Reis que não será deputado governista.
domingo, 21 de outubro de 201821/10/2018
63984631128
Nublado
23º
26º
31º
Porto Nacional - TO
dólar R$ 3,71
euro R$ 4,28
MICROFONE VERDADE
GERAL
Candidato a estadual Djalma Araújo diz a Marlon Reis que não será deputado governista.
A postura do jovem político foi muito elogiada pelo candidato a governador durante entrevista na Rádio Porto FM.
PortalMV Porto Nacional - TO
Postada em 17/09/2018 ás 09h18 - atualizada em 19/09/2018 ás 01h18
Candidato a estadual Djalma Araújo diz a Marlon Reis que não será deputado governista.

Djalma Araújo - candidato a deputado estadual pelo PV.

Firme no propósito de ser o verdadeiro representante do povo na Assembleia Legislativa, a exemplo do que vem fazendo como vereador em Porto Nacional, o candidato a deputado estadual Djalma Araújo (PV), disse ao seu candidato a Governador Marlon Reis (Rede), que não será um parlamentar governista.


A revelação foi feita ao vivo, no programa MICROFONE VERDADE da Rádio Porto FM, sexta-feira (14), ocasião em que o postulante ao Palácio Araguaia prestava entrevista ao jornalista e apresentador Aurivan Lacerda.


Prontamente, Marlon Reis elogiou a postura de Djalma na Câmara portuense e asseverou que pretende governar com o povo e para o povo de forma limpa e transparente, por isso, não terá aresta com nenhum dos futuros 24 deputados estaduais.


Durante suas caminhadas, encontros e conversas com eleitores em Porto Nacional e região, Djalma Araújo vem reiterando sua posição e obtendo um respaldo muito grande da população. “Jamais calarei diante de qualquer atitude ou projeto que contrarie os anseios da população”, bradou o candidato a deputado estadual.


O jovem político ressalta que esse modelo do parlamentar que só pensa em cargos e contratos para seus familiares e apaniguados está ultrapassado. “Temos que pensar no coletivo buscando o que for melhor para todos, nem que seja preciso bater de frente”, cravou Djalma, e disparou: “Estamos vendo deputado aqui se apresentando como se fosse dono de tudo do governo, quando na verdade, tudo pertence ao povo, até o mandato dele”.  

FONTE: Ascom
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

Mauro Antônio Porto nacional - TO 17/09/2018

Esse é o deputado do povo Eu voto sim

imprimir
3.109