Carro suspeito visto em dois homicídios e uma tentativa é abandonado no Parque da Liberdade.
Quarta, 14 de novembro de 201814/11/2018
63984631128
Muito nublado
23º
32º
32º
Porto Nacional - TO
dólar R$ 3,78
euro R$ 4,28
MICROFONE VERDADE
RONDA PORTO
Carro suspeito visto em dois homicídios e uma tentativa é abandonado no Parque da Liberdade.
O Prisma preto teria sido furtado em Natividade e pode ter sido usado para matar dois e balear um.
PortalMV Porto Nacional - TO
Postada em 14/08/2018 ás 00h22 - atualizada em 15/08/2018 ás 00h40
Carro suspeito visto em dois homicídios e uma tentativa é abandonado no Parque da Liberdade.

Carro suspeito abandonado no Parque da Liberdade.

No começo da tarde desta segunda-feira (13), populares que passavam pelo Setor Parque da Liberdade, em Porto Nacional, avistaram um Chevrolet Prisma preto abandonado em um terreno baldio.


Policiais civis e militares estiveram no local e admitiram a possibilidade de ser o mesmo carro utilizado por criminosos para cometerem dois homicídios e uma tentativa na noite de quinta-feira (9) e na tarde de sábado (11).


Agentes da DHPP – Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa – pretendem aprofundar a investigações no sentido de esclarecer se o automóvel é o mesmo que foi visto na execução do servente Welton José de Carvalho, 27 anos, fuzilado com dez tiros no quintal de sua casa, à Rua Pacífico Inácio de Macedo, Setor Jardim Brasília. “Era noite e alguns populares chegaram a confundir a cor do carro, por isso que tem que esmiunçar as averiguações”, disse um investigador.


Já na tentativa de assassinato protagonizada contra o auxiliar de mecânico Luiz Fernando – O LULINHA – no Jardim Municipal, também na quinta-feira (9) à noite, pouco depois da execução de Welton, os atiradores chegaram em um carro escuro, segundo relatos de moradores da Praça Frei Reginaldo, onde ocorreu o crime.


Com base nas primeiras informações, os policiais civis afirmam que o crime mais próximo de ter sido cometido com o apoio do veículo encontrado, é a execução do comerciário Wanderson Ferreira da Silva, conhecido por ZÓI, 21 anos, eliminado na tarde de sábado (11), ao chegar em sua residência, na Rua Getúlio Vargas, Setor Nova Capital.


O Prisma preto foi periciado e foram colhidas impressões digitais para serem utilizadas na tentativa de identificação de algum envolvido.

FONTE: Portal MV
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
1.070