Sábado, 20 de abril de 2019
63984631128
Ronda TO

19/03/2019 ás 00h23

PortalMV

Porto Nacional / TO

Professor universitário e jovem são presos acusados de tráfico de drogas e porte ilegal de arma.
Os dois homens são apontados como integrantes de uma quadrilha de traficantes que começou a ser desbaratada no começo de 2019.
Professor universitário e jovem são presos acusados de tráfico de drogas e porte ilegal de arma.


A Polícia Civil do Tocantins, mediante ação investigativa da DEIC – Delegacia Estadual de Investigações Criminais – Núcleo de Sul, prendeu na manhã de segunda-feira (18), o jovem Moizaniel Trajano de Carvalho Avelino, de 20 anos; e o professor Chrystian de Assis Siqueira, vulgo “HEISENBERG “, acusados de integrarem a uma quadrilha de traficantes de drogas que começou a ser desmantelada em janeiro último.  


Segundo a Deic, os mandados de prisões foram expedidos pelo Poder Judiciário após a conclusão das investigações de combate ao tráfico de drogas, as quais resultaram na prisão de Ibanor Oliveira Júnior; Phelipe Oliveira; Victor Hugo Campos Soares; e Luiz Alberto Reis; no dia 11 de janeiro último e na apreensão de 27 mudas de maconha e tabletes da mesma droga, além de arma de fogo, munições, balança de precisão e dinheiro.


“Com a prisão do primeiro grupo criminoso as investigações passaram a analisar as informações obtidas e conseguiu identificar a participação de Moizaniel e Chrystian na venda ilícita de entorpecentes e financiamento ao tráfico, razão pela qual foram indiciados e sua prisão preventiva decretada”, ressaltou o delegado Rafael Falcão.


A polícia informou ainda que foi expedido um mandado de busca e apreensão na residência de Moizaniel, local onde foi encontrada uma balança de precisão e seu aparelho celular. Além disso, foi encontrada uma arma de fogo ilegal e carne de animal silvestre, de propriedade do pai de Moizaniel o qual foi preso em flagrante pela prática desses crimes.


Segundo apurado pelo Portal Atitude, Chrystian é professor universitário da Universidade Federal do Tocantins (UFT) de Gurupi. Um colega dele que não quis se identificar relatou que está surpreso com essa notícia. “Assustei quando fiquei sabendo da prisão dele, pois ele é um professor dedicado”, disse. A Universidade ainda não se pronunciou sobre o assunto.


Recentemente o Portal fez uma matéria mostrando que o Corregedor Nacional de Justiça, Ministro Humberto Martins, atendeu uma reclamação do advogado de um dos estudantes preso em janeiro deste ano em Gurupi acusado pelos crimes de tráfico de drogas e posse ilegal de arma no sul do Estado, e requereu aos magistrados da 1ª Vara Criminal da comarca de Gurupi que passem a regulamentar audiências de custódia antes da decretação de prisões preventivas.

FONTE: AtitudeTO/PortalMV

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados