Sexta, 23 de agosto de 2019
63984631128
Geral

11/02/2019 ás 13h35

PortalMV

Porto Nacional / TO

ACISA-PN emite nota de repúdio à interdição da ponte sobre o Rio Tocantins.
A via é a principal rota de ligação à BR-153, principal artéria viária federal do estado.
ACISA-PN emite nota de repúdio à interdição da ponte sobre o Rio Tocantins.

A Associação Comercial, Industrial, Serviços e Agropastoril de Porto Nacional (Acisa-PN) publicou neste sábado (9) uma nota de repúdio à decisão do Governo do Tocantins de fechar o tráfego na ponte da TO-255 sobre o Rio Tocantins. A via é a principal rota de ligação da cidade à BR-153, principal artéria viária federal do estado.


Com o fechamento da ponte, diversas empresas de transporte suspenderam as linhas que passam pelo local. No comunicado, a entidade solicita ao governador Mauro Carlesse a revisão dessa decisão e volte a liberar a ponte até a conclusão do laudo técnico.


A Associação Comercial, Industrial, Serviços e Agropastoril de Porto Nacional (Acisa-PN), vem solidarizar com os seus associados e com a comunidade portuense e repudiar a forma intempestiva tomada pelo Governador Mauro Carlesse, que sem amparo técnico decidiu bloquear o acesso da Ponte sobre o Rio Tocantins, em Porto Nacional, deixando o município e os moradores da margem esquerda isolados o que tem trazido um prejuízos para o comércio, indústria e turismo, como hotéis, restaurantes, comerciantes nas praias de Porto Nacional, uma vez que inúmeros serviços foram suspensos.


Atualmente a ponte estabelece relações econômicas entre as comunidades, o que resulta em uma relação comercial forte para a Região e o Tocantins. A Acisa-PN, reitera o respeito a decisão do Executivo, no entanto, solicitamos que o senhor Governador Mauro Carlesse reveja tal decisão e, se possível, libere até a conclusão do laudo técnico, o tráfego de veículos de passeios e motos, assim como dos ônibus que fazem o transporte intermunicipal e interestadual, que suspenderam os serviços à população.


Solicitamos a construção de porto, destinado ao atracamento da balsa para a travessia de caminhões, máquinas agrícolas, e veículos de transporte de cargas.


A diretoria da Acisa-PN se coloca a disposição do Governo do Estado do Tocantins em contribuir para que juntos, por meio de diálogo, sejam discutidas alternativas eficazes e rápidas para que a sociedade e o comércio sofram o menor impacto possível com a interdição da ponte.

FONTE: Ascom/Acisa-PN

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados